COMO NÃO SE ACENDER UMA LAREIRA

Bom, são 17 horas, está frio pra car#$lho, vou ter que tentar acender a lareira.

Mamãe deu algumas instruções de como acender, mas como sou um cara inovador (diga-se teimoso), vou fazer diferente.

…3h depois…

Bom, que bom nada, não aguento mais tentar acender essa po%$¨ra!!

…1h depois…

Desisto! Vou ligar pra minha mãe, comprar um incinerador e tentar dormir agarrado nos gatos.

Minha dica de como não acender a lareira da casa dos seus pais:

#1 – Tenha em mãos, toras de madeira que não querem virar cinzas. Coloque-as, despretensiosamente, dentro da lareira –
(tipo, joga tudo lá, de qualquer jeito).

#2 – Pegue palitos de fósforo, daqueles que não são próprios para esta finalidade. Acenda-os e segure-os, até que os mesmos queimem as pontas de seus dedos.

Nota-se, nesse momento, que o fogo ainda não acendeu… Portanto, continue tentando!

#3 – Pegue um daqueles livros de autoajuda ou então, algum que ensine coisas em 10 passos, ou 10 minutos.. Whatever! Com o livro em mãos, rasgue 10 folhas, e enrole-as ao comprido. Coloque fogo no papel e jogue o papel na lareira.

#4 – Bom, se o fogo ainda não pegou, mudemos a técnica… Amassemos agora, o papel, fazendo bolas… E repita o processo, fogo na bolinha!!

Não… não funcionou ainda?! Então rasgue mais folhas e dessa vez, sejamos mais espertos, coloquemos fogo na folha aberta, inteira… e, então, pra lareira!

#5 – Não?! Ainda não funcionou?! Não esmoreça!! Vamos lá.. Tente outra vez!!

Nessa hora os gatos da mamãe começam a te olhar com cara feia, os cachorro a uivar, latir, e o Frank (a porra da Calopsita “macho” e virgem, começa a rir – viado!)

#6 – Partindo da teoria que diz, que o fogo só pega, quando a gente não quer, ou não está vendo… Tente enganar o fogo!! Isso mesmo!! Foi o que eu fiz. Finja que não está nem aí pra ele… Diga em voz alta, que ele não é de nada, que não vai pegar de jeito nenhum… e vire as costas! Não, não olhe pra trás!!

Agora, já é possível observar algumas brasas…

#7 – Pois é… quando tudo parecer dar errado, nem pense em desistir!! Você está quase chegando lá… Na terra do nunca! Acredite! Essa técnica é infalível.

#8 – Reorganize a lareira, de forma que fique um espaço, entre o chão e as madeiras. Pegue umas velas, e acenda… Comece a rezar pra todos os Santos, e coloque as velas por baixo das madeiras.
Eu sei, pode parecer macumba… Mas por favor, não envolva galinhas pretas na técnica, até porque, onde eu iria arrumar uma galinha nessa hora.

#9 – Bom, depois de mais de 1 hora de luta árdua, agora que o fogo começou a pegar, é só esperar…

…esperar pela fumaça!!! Sim… e muuuita! Porque???? O que será que essa lareira tem contra mim? Será que a saída está entupida?

Não tente colocar a mão pra ver, ou vai ficar como a minha, em chamas! Não sei o que farei daqui pra frente…

#10 – Então, depois de estarmos todos devidamente defumados, precisamos agora, abrir todas as janelas, portas, ligar o ventilador, pra dispersar a fumaça, e trazer de volta a friaca!!

Então, depois dessa prática técnica inovadora e inútil, você já estará suando, não vai mais sentir frio e o sono começa a aparecer. Agora é só agarrar alguns gatos, trancar-se dentro do quarto com todos eles, entrar suado pra baixo das cobertas, segurando alguns, e dormir calorosamente quente, suado e principalmente sem sentir frio algum. Se pulei alguma etapa da técnica que utilizei,  deve ter sido efeito da fumaça, inalada.