Vinho aflora a sexualidade

Pesquisa feita na Universidade de Florença afirma que o consumo moderado de vinho tinto pode aumentar a libido sexual feminina.

 Foram acompanhadas 798 mulheres italianas entre 18 e 50 anos na região de Chianti, na Toscana. Elas foram classificadas em três grupos conforme o hábito diário de consumo de vinho: as que consomem entre uma ou duas taças de vinho, as que não consomem vinho e as que bebem mais de duas taças.

 As mulheres – todas consideradas sexualmente saudáveis – responderam questionários com 19 perguntas sobre sexualidade.

Os questionários medem o índice FSFI (Female Sexual Function Index, em inglês), uma medida usada em outros estudos científicos sobre sexualidade feminina. O grupo que apresentou os maiores índices de desejo sexual, de acordo com as respostas dos questionários, foram as mulheres que consomem uma ou duas taças de vinho por dia.

 Os pesquisadores do estudo fazem duas ressalvas. A primeira é que nenhuma diferença significativa foi encontrada entre os grupos em relação à excitação, satisfação, dor e orgasmo. A segunda ressalva que consta do artigo publicado originalmente na revista científica Journal of Sexual Medicine, é que o resultado precisa ser interpretado com cautela, devido ao pequeno número da amostragem. Mesmo com ausência de dados de exames laboratoriais, os médicos sugerem que o estudo apresenta uma correlação potencial entre o consumo de vinho tinto e uma sexualidade melhor.

 Fonte: BBC Brasil.